Você já pensou em quais são seus concorrentes? O conceito de concorrência mudou muito nos últimos anos. O comerciante que disputa clientes na mesma rua que você não é necessariamente o seu maior concorrente. Em termos geográficos, pode até ser, mas a geografia hoje está cada vez mais longe de ser um fator determinante em negócios. O anunciante da página ao lado do jornal no qual fez seu anúncio semanal também não necessariamente é um concorrente forte. Muito provavelmente os seus maiores concorrentes são empresas Continue lendo

Fico imaginando como eram nossos ancestrais de alguns milhares de anos atrás. Todos em torno da fogueira discutindo como iriam caçar o mamute do dia seguinte ou como o tempo estava esquentando nos últimos dias. Discussões corriqueiras enquanto saboreavam uma deliciosa carne de tigre dente-de-sabre que caçaram no dia anterior. O hábito de se reunir em torno de uma fogueira durou muito tempo principalmente porque a fogueira garantia uma certa segurança e aumentava as chance de sobrevivência. Tal hábito de certa forma também promoveu a Continue lendo

Certa vez a bandeira da China foi banhada de sangue. Na época, vi uma manchete que atualizava o número de mortos em mais de 10 mil no terremoto que deveria abalar a vida de cada ser humano da Terra – como aquela “queda na força” que Obi-Wan sentiu em Star Wars quando Darth Vader explodiu uma planeta inteiro com sua “estrela da morte” (Ok. Concordo que o papo está ficando muito geek!). Eu disse “deveria abalar a vida de cada ser humano da Terra”. O Continue lendo

Já somos 140 mentorandos! No último mês de dezembro aconteceu a 14ª turma do meu programa de mentoria. E agora em janeiro já estamos com as vagas abertas para a turma de fevereiro. A turma 15! IMPORTANTE: são apenas 10 vagas por mês. Dentre os 140 mentorandos que já passaram pelo processo de mentoria, 51 já conquistaram resultados significativos (e esse número aumenta a cada dia). Uma média MUITO alta no mercado. A mentoria é um processo validado por mentorandos de todos os mercado que você pode imaginar Continue lendo

A partir do título, acompanhe meu raciocínio. – como uma moeda não existe um lado só, esses dois ambientes hoje fazem parte, de forma intrínseca, do nosso mundo. Não podemos mais achar que podemos “viver” em um dos lados sem sermos diretamente influenciados pelo outro (e sem influenciarmos tanto um lado quanto outro). – uma moeda é algo coeso, em que os lados não se separam, logo, se deslocarmos um dos lados, o outro também se movimentará na mesma direção. Se fizermos algo bom no Continue lendo