O Comércio Eletrônico tem se destacado a olhos vistos no Brasil e tem sido alvo de holofotes em todo o país devido às suas cifras e possibilidades. O seu crescimento ano a ano de dois dígitos contrasta de forma significativa com os outros setores da economia, até mesmo diante de uma crise global. Empresas dos mais diversos portes e segmentos estão percebendo que não aderir a tal estratégia de mercado é, em pouco tempo, estar fora do próprio mercado. É fato, porém, que saber o Continue lendo

Outro dia, li um artigo que falava sobre os “coolhunters” – em bom português, caçadores de tendências. Parece uma profissão futurista ou algo saído de filmes hollywoodianos (ou bollywoodianos, para ser mais “cool”). Os coolhunters, porém, são profissionais que detectam aquilo que, parafraseando Klee, um olho vê, o outro sente. Tais tendências se delineiam sutilmente nos tecidos de nossas vidas e, sem que percebamos de forma concreta como tudo aquilo começou, tomam forma e se definem como um hábito. Os coolhunters buscam exatamente tais pequenas Continue lendo

Achei um artigo bem interessante no site B2B Magazine. Reproduzo a seguir na íntegra. E-commerce: 5 dicas do Gartner para economizar No atual cenário de turbulência financeira que vive a economia mundial, como melhorar a experiência dos consumidores que compram pela internet e cortar até 25% dos gastos? Parece impossível, mas a consultoria Gartner indica por onde seguir. Seguem as cinco dicas do Gartner para vender mais pela web com menos despesas: 1 – Prefira open-source a ferramentas customizadas para funções básicas Ao eliminar ferramentas Continue lendo

Pergunta estranha e muito bombástica? Confesso que sigo o modelo AIDA, em que a minha preocupação inicial é chamar a atenção para um determinado conteúdo. Porém, acompanhe a minha linha de raciocínio e veja se não há um bom fundo de razão nas minhas considerações posteriores. Lendo minha dose cavalar de notícias diárias desse louco mundo digital, me deparei com o seguinte parágrafo: “De 14 de abril a 15 de maio, quem comprar o álbum do Gloria na rede de lojas Fnac ganhará o direito Continue lendo

Não se fala em outra coisa – crise! Palavras como “Subprime”, “Pacote de US$ 800 bi” e “recuperação da economia” nunca foram tão citadas e já nos são praticamente íntimas. Uma busca no Google pela palavra “subprime” nos remete mais de 11 milhões de resultados, e eu nunca tinha nem ouvido falar nessa palavra. Em meio a tantas tormentas e mudanças, é lógico que a primeira preocupação é o “meu emprego”. A crise já cortou cabeças e que, pelo jeito, continuará cortando. O problema não Continue lendo

A cada dia fico mais entusiasmado com o movimento do comércio eletrônico no Brasil. Crescimento de 30%, apesar da crise, 13,2 milhões de compradores online, tiquete médio de R$328,00 (maior valor até então) e grandes varejistas montando suas lojas online. E notícias como “a loja do Magazine Luiza que mais fatura é a loja virtual” me deixam eufórico e crente de que o que falo há mais de 5 anos sobre internet está se tornando realidade. Tenho visto cada vez mais reportagens falando sobre e-commerce Continue lendo

Ah… os anos 80. Sem dúvida a mais divertida e de mau gosto época de todos os tempos. Se você tem por volta de 40 anos, deve se lembrar do Juba, Lula, Bacana e Zelda Sott no Armação Ilimitada, do Atari e do memorável Pac-Man, do par romântico Tom Cruise e Kelly Mcgillis em Top Gun, do “Quem matou Odete Roitman”, das roupas coladas no corpo e coloridas e, principalmente, das propagandas memoráveis como a Morte do Orelhão, Primeiro Sutiã e os bordões até hoje Continue lendo