fbpx

3 grandes empresários que perderam tudo

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
EMPRESÁRIOS-QUE-PERDERAM-TUDO

De iates milionários à mega mansões, jatinhos particulares e frotas de carros, esses homens tinham tudo o que queriam e fortunas bilionárias. 

Porém, uma série de más decisões, azar e outros fatores os fizeram perder tudo e, de maneira surpreendente, esses que fizeram parte do seleto grupo de 1% da população, se tornaram parte dos 99% mais pobres.

Selecionei aqui 3 grandes empresários que perderam tudo, e o que aconteceu para que isso acontecesse:

3. Robert Allen Stanford (ex-banqueiro bilionário)

Robert Allen Stanford é um ex-banqueiro bilionário, que está cumprindo uma pena de 110 anos de prisão desde 2009, depois de ser condenado por uma grande fraude financeira. 

Ele era o presidente da agora extinta empresa de serviços financeiros Stanford Financial Group. 

Uma de suas subsidiárias, o Stanford International Bank, afirmou ter cerca de US $8,5 bilhões em gestão de pelo menos 30.000 clientes, em mais de 136 países.

Tudo começou em 2009, quando foi iniciada uma investigação sobre Allen Stanford. 

Com essa investigação, foi descoberta uma fraude de US $8 bilhões. 

O dinheiro era fruto de vendas ilegais de certificados de depósito de alto rendimento, em um esquema de pirâmide. 

Robert foi preso em junho de 2009 por fraude eletrônica, obstrução à justiça, lavagem de dinheiro, dentre outras acusações.

2. Bjorgolfur Gudmundsson (a segunda pessoa mais rica da Islândia antes da crise)

Bjorgolfur Gudmundsson, que era a segunda pessoa mais rica da Islândia antes da crise, ganhou cerca de 45% das ações do Landsbanki, um dos três maiores bancos islandeses, em 2002. 

Segundo a Forbes, em março de 2008 o Bjorgolfur estava em 1.014 na lista das pessoas mais ricas do mundo, com uma riqueza total de US $1,1 bilhão.

Após o início da crise financeira no país, Bjorgolfur perdeu a presidência do Landsbanki em 2008, e declarou sua falência pessoal um ano depois. 

Em menos de um ano, seu patrimônio caiu de US $1,1 bilhão para US $0.

1. O empresário brasileiro Eike Batista 

Eike Batista fez e depois perdeu a sua fortuna multimilionária no setor de mineração e exploração de petróleo ao longo de duas décadas. 

Com US $30 bilhões em riqueza pessoal em 2011, Batista se tornou a 8ª pessoa mais rica do mundo, e a pessoa mais rica do Brasil. 

Sua saída da lista de bilionários começou após um súbito acidente no setor de mineração, e o colapso de uma de suas maiores empresas, a OGX.

Você conhecia a trajetória destes três empresários? Responda nos comentários abaixo.

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram