5 passos para ter um cliente satisfeito

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Cliente satisfeito em 5 passos

Deixar seu cliente satisfeito não é um diferencial, mas sim uma exigência natural do mercado. Com o tempo, as empresas que não conseguem satisfazer as necessidades do cliente (seja com o produto ou no processo de atendimento), estão fadadas ao fracasso.

A satisfação de um consumidor não se trata apenas de entregar o produto ou de prestar o serviço. O cliente plenamente satisfeito é aquele que vivencia uma experiência praticamente perfeita. E para deixar alguém insatisfeito não é preciso nem mesmo fechar negócio. 

Por isso, neste artigo, você irá conferir 5 técnicas para ajudar a sua empresa a transformar a experiência do cliente em um momento memorável. Assim, seu negócio terá condições de conquistar uma legião de verdadeiros fãs, o que facilita muito a possibilidade de compras recorrentes e intensifica as vendas. 

Cliente satisfeito: diferencial ou compromisso?

Deixar e manter a clientela satisfeita é praticamente obrigação de toda empresa (pelo menos das que pretendem permanecer por bastante tempo no mercado). A venda do produto ou serviço é o que alimenta qualquer negócio e ela é feita apenas com clientes. 

Então, a relação entre satisfação do cliente e sustentabilidade do seu negócio é direta e isso, por si só, justifica a importância do tema e do porquê um empresário deve levar esse assunto bastante a sério. 

Para aprofundarmos mais a respeito da relevância da satisfação do cliente, não podemos deixar de lembrar sobre o impacto da insatisfação na imagem de uma empresa, que é enorme. Soma-se a isso, o fato de que, atualmente, as ferramentas digitais possibilitam aos consumidores relevar aos quatro ventos as experiências que tiveram com as empresas. 

A busca on-line pela reputação das empresas, baseadas nas opiniões dos clientes ou usuários, é norteador no processo de escolha para muitos outros consumidores que estão cogitando comprar algum produto ou serviço. 

Mas não apenas baseado no “medo da opinião” dos consumidores é que você precisa investir seu tempo para planejar uma experiência de satisfação total aos clientes da sua empresa. Há benefícios oriundos da relação empresa x cliente satisfeito que impacta diretamente no volume de vendas. Entenda melhor no tópico a seguir. 

Seu negócio também ganha com a satisfação do cliente

Sempre que somos bem recebidos em algum lugar e nos sentimos bem naquele local, queremos voltar, não é mesmo?

Este é o grande benefício do cliente estar satisfeito. A probabilidade dele voltar é muito grande. E o que isso significa? Possibilidades maiores de transformá-lo em um cliente recorrente, a estratégia que gera muito mais lucro para sua empresa

Além disso, ele também poderá indicar a empresa para outras pessoas, ao passo que um cliente insatisfeito não recomendaria fechar negócio com uma empresa que foi mal atendido. 

Toda empresa precisa de vendas constantes e garantir a satisfação do cliente é um dos caminhos certeiros para alcançá-las. 

Agora que você entendeu tudo que há por trás de deixar e manter um cliente satisfeito, veja nas próximas linhas as estratégias que ajudam a transformar a experiência de um cliente com sua empresa em uma experiência inesquecível – no bom sentido. 

Confira 5 passos para aumentar a satisfação do cliente

Veja a seguir os 5 passos que potencializam o momento de contato com o consumidor, transformando-o em uma oportunidade de conexão entre o seu cliente e a sua empresa.

1. Comece pelo início: qual a dor ou o desejo do seu cliente?

Pode parecer estranho falar de cliente satisfeito junto com dor, problema ou desejo. Mas pode ter certeza que apenas parece, pois esse é o início do caminho para a satisfação completa. Estabeleça a relação entre o que seu produto ou serviço entrega e o que está incomodando o cliente. Ou então o que deseja o seu cliente e a transformação que seu produto pode entregar para ele. 

Veja esses exemplos: 

  • Dor: pense que, hipoteticamente, seu negócio é uma empresa de comida saudável congelada. Nesse exemplo, uma das “dores” do seu público alvo poderia ser a necessidade de ter uma alimentação mais saudável, mas não tem tempo para cozinhar. 
  • Desejo: neste outro exemplo, vamos simular uma academia. Acredito que você já deve estar imaginando qual é o desejo aqui. Isso mesmo: sentir-se bem com sua aparência. 

Tenha clareza sobre as dores e desejos do seu público. Utilize com sabedoria essas informações no processo de comunicação e nos momentos de interação direta com o cliente. Dessa forma, seu cliente se sentirá acolhido, entendido pela sua empresa

O ideal é que você pesquise das mais variadas formas os desejos e os problemas do seu público alvo. Não vale aqui imaginar situações como nesses exemplos. O que pode parecer um problema para você, pode não ser para o cliente. E o que realmente importa é o que seu cliente pensa. 

2. Para ter cliente satisfeito ofereça uma excelente experiência

Você já deve ter ouvido que tomamos decisões com o nosso emocional, certo? Então, para transformar o seu contato (como um todo) em uma experiência digna de ser compartilhada como dica boa pelo seu cliente, tenha presente que o segredo é relacionamento

Gosto de dizer que seu cliente é seu investidor. Muitos encaram um cliente como problema e esse pensamento está errado. Sua equipe deve se dedicar a mostrar para ele que com a ajuda da sua empresa, essa pessoa poderá chegar mais rápido ao seu desejo ou resolver em menos tempo seu problema.

Por isso, toda a empresa deve se dedicar em proporcionar a melhor experiência possível ao cliente, da oferta à entrega. 

3. Eles querem é overdelivery

Sabe quando você está esperando uma coisa boa e ela acontece melhor ainda? Esse é o conceito de overdelivery.

Mas antes de aprofundar isso, preciso chamar a atenção para a promessa. Sua empresa entrega realmente aquilo que promete? Assegurar uma entrega que não vai acontecer é o pior erro que você pode cometer. É a causa de muito cliente insatisfeito e é um erro um tanto quanto básico. Apenas prometa aquilo que pode entregar. 

Voltando ao overdelivery, depois de prometer o que é no mínimo possível de entregar, é chegada a hora de ir além da expectativa. Faça uma surpresa ao cliente. Entregue um brinde sem avisar, sem justificativa, apenas por que ele é seu cliente. Essa ação ajuda a transformar a satisfação em gratidão.

4. Onboarding é crucial

O onboarding é o processo que irá mostrar o caminho ao seu cliente logo após a compra. Uma etapa essencial quando se fala de cliente satisfeito, mas que muitas empresas ignoram.

O onboarding irá orientar seu novo cliente e pode ser feito de forma online ou presencial, dependendo do seu nicho de atuação. 

Nessa orientação é possível se aproximar do cliente e ajudá-lo a garantir o resultado que ele espera, criando, então, um relacionamento com ele. E bons relacionamentos entre empresa e cliente aumentam a probabilidade dele se tornar um cliente recorrente

A estratégia do onboarding tem muita relação com a etapa anterior, do overdelivery. Você pode aproveitar esse momento para executar a tática de ir além da expectativa e surpreender o cliente

5. Pesquisa de satisfação

Qual a melhor maneira de saber se um cliente ficou satisfeito? Perguntando. Um tanto quanto óbvio, mas com um papel fundamental não apenas para medir a satisfação, como também para melhorar algum processo que não esteja transcorrendo conforme o esperado. 

É mais uma possibilidade de contato com seu cliente para entender melhor o que ele pensa e as suas necessidades. A pesquisa de satisfação é um momento oportuno para verificar se a sua entrega está dentro da expectativa do personagem principal do seu negócio: o cliente. 

Deixar o cliente satisfeito é indispensável para o empresário que deseja ter um futuro brilhante, pois sem cliente não há empresa. Então não deixe de cuidar do seu principal investidor. 

Para conferir mais informações que vão te ajudar a melhorar cada vez mais seu negócio, acompanhe nossas publicações no blog.

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram